Arquivos diários: 16 de novembro de 2021

GFIP: substituição pela DCTFWeb confunde contadores e empresários

Transição da GFIP para a DCTFWeb tem gerado confusões no momento de transmitir as informações e pagar a guia de recolhimento.

Atividade econômica cai 0,27% em setembro

A atividade econômica brasileira teve variação negativa em setembro deste ano, de acordo com dados divulgados hoje (16) pelo Banco Central (BC).

Petrobras reduz despesas com juros e encargos da dívida financeira

As despesas da Petrobras com juros e encargos de dívida financeira registraram queda no terceiro trimestre de 2021. O valor somou US$ 669 milhões, 31,1% abaixo dos US$ 971 milhões gastos no mesmo período de 2020.

Home office: entenda quando o trabalhador tem direito a horas extras

A pandemia de coronavírus levou diversas empresas a adotarem o home office como regime de trabalho para preservar a saúde de seus funcionários.

DCTF: Receita flexibiliza entrega da declaração de débitos e créditos tributários

Businesswoman Calculating Tax Using Calculator On Desk In Office

O Diário Oficial da União publicou nesta terça-feira (16) a Instrução Normativa da Receita Federal nº 2.048/2021 que dispõe sobre a apresentação da Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais (DCTF)e da Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais Previdenciários e de Outras Entidades e Fundos (DCTFWeb).

Pedidos de recuperação judicial recuaram 33,8% no último trimestre

O bureau da Central de Proteção ao Crédito (SCPC) registrou queda de 33,8% nos pedidos de recuperação judicial na média móvel do último trimestre, comparado ao mesmo período de 2020.

13º salário: saiba quem tem direito e quando serão os pagamentos da primeira e segunda parcela

Fim de ano se aproximando e empresas e trabalhadores começam a pensar no 13º salário. Para quem é funcionário com carteira assinada, o adiantamento da primeira parcela deve ser feito até 30 de novembro. Já a segunda parcela,  precisa ser paga até 20 de dezembro.

Brasil ocupa o 3º lugar entre os países com as piores inflações do mundo

Quando o brasileiro vai ao mercado e consome menos com o mesmo valor do mês passado e sente um peso extra no bolso não é somente impressão.